REFUGIADOS VENEZUELANOS ESTÃO SENDO TRAZIDOS PARA O PARANÁ

REFUGIADOS VENEZUELANOS ESTÃO SENDO TRAZIDOS PARA O PARANÁ

Dois ônibus do Exército Brasileiro (EB) chegaram por volta das 7h15 em Goioerê, no centro-oeste do Paraná,

com 61 migrantes venezuelanos nesta sexta-feira (31). As famílias chegaram com um sorriso no rosto, sem esconder a alegria de uma nova vida.

O grupo com 12 famílias, estavam abrigadas em Pacaraima, em Roraima, e foram trazidas até Curitiba em um avião da Força Aérea Brasileira na noite de quinta-feira (30). Em seguida, foram alocadas em ônibus e seguiram para o centro-oeste do Estado.  Ao todo, são 36 adultos, 23 crianças e dois adolescentes que foram realocados em uma chácara em Goioerê. Eles foram recepcionados com um café da manhã e danças folclóricas. Os venezuelanos devem ficar por, pelo menos, três meses na chácara e depois, cada caso será analisado isoladamente.   (Com informações do repórter Vagner Krazt, da RICTV Toledo)

Distribuição

As cidades de Manaus, João Pessoa e São Paulo começam a receber , 187 venezuelanos transferidos por meio do programa de interiorização. Os solicitantes de refúgio ou residência embarcaram em Boa Vista por volta das 9h30 (horário local) em um avião da Força Aérea Brasileira (FAB). Todos os selecionados aceitaram participar da interiorização, foram vacinados, submetidos a exame de saúde e regularizados no Brasil – inclusive com CPF e carteira de trabalho.

A interiorização tem o apoio da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR), da Agência da ONU para as Migrações (OIM), do Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) e do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

Fonte: Banda B