MANÍACO DA CRUZ É TRANSFERIDO PARA CAMPO GRANDE

O Maníaco da Cruz foi preso pela Polícia Nacional do Paraguai na cidade de Horqueta, no Departamento de Concepción. Segundo a Polícia Civil, o jovem não tem registro de crimes no Paraguai. Ele foi detido porque estava em situação irregular no país vizinho e depois foi deportado para o Brasil.

 

O jovem conhecido como Maníaco da Cruz, de 21 anos, foi transferido de Ponta Porã para Campo Grande, nesta quarta-feira (1º), segundo informações do delegado Alexandre Amaral Evangelista. O rapaz foi preso em Horqueta, Departamento de Concepción, no Paraguai, após ter sido reconhecido por um casal de paraguaios.

O Maníaco da Cruz foi levado para a 2ª delegacia em Ponta Porã, a 346 km de Campo Grande, na segunda-feira (29) e mantido em separado dos demais presos. Ele foi entregue às autoridades brasileiras no início da noite de segunda-feira (29) na cidade de Pedro Juan Caballero, fronteira do Paraguai com o Brasil em Mato Grosso do Sul. O rapaz havia fugido no dia 3 de março da Unidade Educacional de Internação (Unei).

O rapaz ganhou o apelido após matar três pessoas em 2008. Ele cumpriu três anos de medida socioeducativa na Unidade Educacional de Internação (Unei) de Ponta Porã, mas permaneceu no local por mais um ano. No período passou por perícia psiquiátrica que atestou que ele apresentava distúrbios e que poderia voltar a matar. Em 2012, a Justiça determinou que ele osse encaminhado para uma instituição psiquiátrica. O maníaco fugiu da Unei no dia 3 de março deste ano, antes que a medida judicial fosse cumprida.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!